Serviços

22/12/2016

Programa Trainee 2017 da Volkswagen do Brasil tem inscrições abertas até o dia 9 de janeiro

As inscrições para o Programa Trainee 2017 da Volkswagen do Brasil estão abertas até o dia 9 de janeiro de 2017. Os interessados em participar devem realizar as inscrições no site http://vw.com.br/trainee2017 . Em sua quinta edição, o programa oferece 10 vagas em diversas áreas da empresa, como Planejamento do Produto, Desenvolvimento do Produto, Operações, Qualidade Assegurada, Compras, Finanças, Recursos Humanos e Vendas & Marketing.

O Programa Trainee tem um plano estruturado de desenvolvimento com mais de 150 horas de treinamento, atividades específicas e "job rotation" em várias áreas. "A Volkswagen oferece ao trainee a possibilidade de desenvolver sua carreira dentro de uma empresa inovadora e com sólida reputação, atuando em diversas áreas do negócio conciliando as suas expectativas profissionais com os interesses da organização", destaca o vice-presidente de Recursos Humanos da Volkswagen do Brasil, Nilton Junior.

O programa tem duração de 18 meses com início marcado para o dia 6 de março de 2017. Para concorrer, o candidato precisa ter, no máximo, quatro anos de formado, inglês fluente e o idioma alemão é um diferencial importante, bem como experiência profissional.

O processo seletivo ocorrerá em três fases:
1. Provas on-line, acontecem no mês de dezembro e incluem testes de idioma (inglês) e raciocínio lógico.
2. Dinâmicas em grupo, entrevistas por competência para os aprovados nessa fase - a dinâmica ocorrerá em janeiro de 2017.
3. A etapa seguinte, no início de fevereiro, contará com painel de negócios e entrevistas finais com os gestores e com a área de Recursos Humanos.

Durante o programa, os trainees são avaliados semestralmente. Além disso, recebem diversos benefícios, entre eles remuneração competitiva, participação nos resultados, desconto na compra de veículos da marca, previdência privada, assistências médica e hospitalar, refeição no local e transporte fretado subsidiados.

Comente essa notícia