Notícias

Eletrônica e Informática

08/02/2019 - IPESI INFORMA

Open Labs anuncia aumento de 43% no faturamento

A Open Labs, desenvolvedora de produtos e serviços para os mercados de TI e Telecom, como sistemas de tarifação convergente e processos de negócio em tempo real, teve crescimento de 43% do faturamento, passando de R$ 52,8 milhões em 2017 para R$ 75,6 milhões em 2018. As divisões que mais impactaram no aumento da receita foram: soluções do portfólio digital para operadoras que oferecem serviços de conteúdo de vídeo e televisão OTT (Over-The-Top); e equipamentos para infraestrutura de rede, produzidos em sua nova unidade industrial, localizada na cidade de Atibaia (SP).

Criada no início de 2018, a filial industrial da Open Labs foi responsável por parte importante do crescimento, uma vez que produziu uma linha de produtos de conectividade com soluções convergentes em tecnologia MPLS, provendo as operadoras redução de opex e aumento de capilaridade de rede. Além disso, a nova fábrica está preparada para a produção local de produtos GPON e suas evoluções, tecnologias que permitem às operadoras a implementação de redes FTTx resilientes e com suporte a virtualização, seguindo os padrões ITU-T e BroadBand Forum.

Outro acontecimento de destaque em 2018 foi o reforço das atividades na startup de Pesquisa e Desenvolvimento da Open Labs, incubada na UFRJ, Universidade Federal do Rio de Janeiro (RJ). Criada no final de 2014, hoje a startup conta com uma equipe de 12 trainees, que participam, entre outros, de projetos de desenvolvimento de aplicativos digitais em cloud computing e o Smart Assisted Living, plataforma inovadora para a área de saúde, que possibilita serviços de eCare e eHealth, incluindo monitoração de sinais vitais.

Segundo Paulo Firmeza, CEO da Open Labs SA, os objetivos traçados para o ano de 2018 foram atingidos. E para 2019 a empresa tem metas de conquistar novos clientes no mercado de telecom e também iniciar prospecções nas verticais utilities, finanças e saúde. "Temos o compromisso de ser um agente catalisador de transformação tecnológica para empresas, impactando pessoas na construção de um futuro melhor. Somos precursores no desenvolvimento de novas soluções para diferentes domínios", destaca Firmeza.

Com o histórico de grandes parcerias em operadoras de Telecom/TI, a Open Labs possui amplo know-how no segmento, com uma linha de produtos dedicados para B/OSS. As soluções da Open Labs são totalmente integradas, suportando ambientes multi-tecnologia e multi-fabricante, gerindo todas as camadas, incluindo recursos, rede, serviços e clientes, com recurso a arquiteturas abertas.

Na área de BSS, a Open Labs apresenta produtos com uma abordagem centrada no cliente e no negócio, permitindo que o fornecedor de serviço consiga posicionar-se em torno de quatro conceitos-chave esperados nos dias de hoje: monetizar, personalizar, experimentar e explorar. Dispondo de produtos para serviços convergentes como, tarifação e gestão de políticas de rede, além de campanhas de marketing contextualizado em tempo real, as soluções são flexíveis, escaláveis e possibilitam a monetização cobrindo a cadeia de valor completa, from concept to cash. As técnicas de machine learning e analytics são pilares que suportam suas soluções. Ainda nessa área, o seu framework Smart2M traz uma plataforma de serviço M2M, especializada na gestão de dispositivos de conectividade, construindo as bases para uma nova geração. Já o SmartIoT é especializado no fornecimento de mecanismos para integrar dispositivos com aplicações de maneira ágil e aberta, para que fornecedores de serviços consigam facilmente criar um ecossistema de parceiros para enriquecer a sua oferta na área da Internet das Coisas.

Comente essa notícia